quinta-feira, 11 de junho de 2009

O rizoma chamado Gengibre

Semana passada fiquei rouca, muito rouca, até ficar sem voz num dia inteirinho. Não sou muito de remédios e tenho uma tendência a chás e remedinhos naturais. Começei tomando gotas de própolis (que é super amargo...), mel, chá de hortelã(a hortelã gosto de comprar fresca e deixo desidratar em saco de pão) coloquei mais alho na comida mas não tava adiantando. No jardim aqui de casa, que é um jardim suspenso já deu tomate, maracujá e tem uma laranjeira crescendo também. Do maracujá conto pra você depois que foi muito bacana, hoje quero mesmo é falar do gengibre, esta raiz, um rizoma que é hiperbenéfico pra saúde e me livrou da rouquidão. Colhi do meu jardim! Foi minha mãe que observou a flor daquela folhagem e eu nem tinha me dado conta, já nem lembrava de quando coloquei na terra um pedaço de gengibre, esperando que brotasse. E brotou. Foi fácil tirar da terra, já estava quase todo do lado de fora e bastou mexer um pouco pra ele sair inteirinho. Taí a foto dele. Gente, acho tão bacana quando posso colher algo do meu jardim! Bom, depois dei uma boa lavada e fiz primeiro um chá, que é perfumadíssimo! Depois fui comendo pequenos pedaços durante dois dias seguidos. Curei minha rouquidão!



Veja a quantidade de benefícios do gengibre: é anti-inflamatório, antioxidante, ajuda a tratar enjôos, combater infecções, prevenir doenças cardiovasculares, é auxiliar no emagrecimento, para tratar flatulências e impedir a formação de gases.
Bom para combater constipações e resfriados: Ferver 2 pedaços de raiz fresca de gengibre, durante 10 minutos e adoçe com mel.
As propriedades estimulantes do gengibre devem-se à vitamina B3, B6 que alivia sintomas de tensão pré-menstrual e a vitamina C que ajuda a proteger as gengivas e a defender o organismo dos radicais livres.
Quer mais?

O gengibre tem ação bactericida, é desintoxicante e acredita-se também que possua poder afrodisíaco. Suas propriedades afrodisíacas e estimulantes são conhecidas há séculos. Na medicina chinesa tradicional, por sua reconhecida ação na circulação sangüínea, ele é utilizado contra a disfunção erétil. Além disso, o óleo de gengibre também é utilizado para massagear o abdomem, provocando calor ao corpo e excitando os órgãos sexuais.

De sabor picante, pode ser usado tanto em pratos salgados quanto nos doces e em diversas formas: fresco, seco, em conserva ou cristalizado. O que não é recomendado é substituir um pelo outro nas receitas, pois seus sabores são muito distintos: o gengibre seco é mais aromático e tem sabor mais suave. Gengibre é quem dá um sabor especial e aquece a bebida das festas juninas, o delicioso quentão:



Ingredientes:

600 ml de cachaça
600 ml de água
Cascas de duas laranjas
Cascas de um limão
50 gramas de gengibre ralado ou em pedaços pequenos
Cravo da Índia a gosto
Canela em pau a gosto
1 maçã cortada em cubinhos

Modo de preparar:

Em uma panela grande coloque o açúcar, as cascas de laranja e limão e o gengibre.
Quando o açúcar estiver derretendo adicione a cachaça e a água, deixando cozinhar por mais ou menos 25 minutos em fogo médio. Coloque os cravos da índia e a canela em pau e deixe no fogo baixo. Em seguida, coe e coloque os pedacinhos de maçã. Mantenha em fogo baixo após o preparo.

Sucesso absoluto nas barraquinhas!

2 comentários:

  1. minha amiga Patrícia ensinou um suco de pera com gengibre: 1 pera batida no liquidificador com 1 copo pequeno de água e um pedaço pequeno de gengibre. Bater e tomar! Desce leve e refrescante.

    ResponderExcluir
  2. Bom dia, o gengibre é excelente mesmo,. Meu filho aos três anos de idade teve uma otite muito severa e foi curado com gengibre, fazia compressas no ouvido. Logo expulsou a bactéria, ao lado de alguns remédios homeopáticos. Adoro a Natureza. e confio..
    bjs. Muito bom o seu espaço .
    abraço

    ResponderExcluir

Coloque seu tempero aqui: